Ministério do Ensino Superior
Governo

Licenciados chamados a envolverem-se nas acções do Executivo

O vice-governador do Cuanza Sul para o sector Económico, Franklim Fortunato e Silva, instou hoje, terça-feira, os recém-licenciados nos cursos de Enfermagem, Contabilidade e Gestão, Agronomia, Zootecnia e Gestão Agraria no sentido de se envolverem e contribuírem, cada vez mais, na promoção do bem-estar e progresso de desenvolvimento.

Franklim Fortunato e Silva, que falava à margem da cerimónia de outorga de diplomas de licenciados e bacharéis pelo Instituto Superior Politécnico, adiantou que o percurso académico de qualquer cidadão deve culminar com a sua participação no desenvolvimento da região em que está integrado.

O responsável adiantou que é necessário que os recém-formados tenham um maior empenho, dedicação, bem como o humanismo e a solidariedade no exercício das funções futuras como valores que devem ser cultivados, pois só assim demonstrarão o seu comprometimento com a prestação de um serviço digno de realce e que tenha impacto positivo na vida das comunidades.

Franklim Fortunato e Silva realçou que o Governo está aberto a todas as propostas para a inserção dos quadros no mercado de trabalho, adiantando que as empresas devem aproveitar os quadros.

Segundo o vice-governador, o Governo aposta na contínua formação dos jovens, por meio da criação de vários mecanismos, com destaque para o Plano Nacional de Formação de Quadros.

Salientou que o desenvolvimento integral do país depende grandemente da formação de recursos humanos que saibam responder aos actuais desafios, por isso apelou aos jovens a continuar a trilhar os caminhos da formação académica e profissional.

Angop